Blog

Fique informado das notícias do mercado imobiliário

Negócios verdes e sustentabilidade na construção civil são tema de debate

Sustentabilidade foi o foco de uma série de apresentações promovidas pela Comissão de Meio Ambiente (CMA) da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC)


Publicado em 29 Novembro 2018

Compartilhe:    

Negócios verdes e sustentabilidade na construção civil são tema de debate

Como a sustentabilidade pode beneficiar os negócios na construção civil? Esse foi o foco de uma série de apresentações promovidas nesta terça-feira (27) pela Comissão de Meio Ambiente (CMA) da Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC), em correalização com o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai Nacional). O evento ocorreu na sede do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Distrito Federal (Sinducon-DF).

No primeiro painel, o sócio-diretor da Petinelli, Guido Petinelli, expôs cases de empreendimentos Net Zero Energia e Net Zero Água. O empresário fez um balanço positivo do evento. “Acho incrível ver quanto o tema vem avançando dentro das famílias de Sinduscons e CBIC. Estamos entrando numa nova fase em que o apoio dessas instituições é crítico para avançar no movimento de greenbuilding no Brasil”, comentou.

A seguir, o presidente da New Inc. Construtora e Incorporadora, Claudio Carvalho, abordou o histórico e princípios da empresa. Ele detalhou também o projeto Terra Mundi, que implementa diversas medidas com foco na preservação do meio ambiente, como reciclagem de água e uso de células fotovoltaicas nos canteiros de obra.

Durante o painel, Carvalho ressaltou a importância de criar soluções sustentáveis que também atendam as necessidades dos moradores das edificações. Nos empreendimentos da construtora, por exemplo, a água utilizada para o banho nas residências é armazenada num reservatório, para reaproveitamento. “Quando se fala em sustentabilidade, é indispensável falar de água, de ar e de energia. Mas também é fundamental falar de gente”, enfatizou.

O presidente da CMA, Nilson Sarti, participou do evento e elogiou as iniciativas dos empresários. “Num mercado extremamente competitivo e em crise, vocês continuam mantendo essa diferenciação. É importante saber que o que vocês fazem não objetiva conseguir uma certificação, mas sim seguir uma filosofia”, afirmou.

A programação contou, ainda, com uma um debate sobre segurança jurídica do Licenciamento Ambiental pelo novo sistema do IBAMA: Sistema Nacional de Controle da Origem dos Produtos Florestais (Sinaflor). Foram discutidas as dificuldades encontradas pelo setor da construção em cada estado e ficou acordado que será elaborado um dossiê com as possíveis soluções.

No fim do evento, também foi exposto o balanço da missão brasileira no congresso internacional Smart City, que ocorreu em Barcelona na semana passada.


Fonte: Ademi GO